8D/7N Travessia Peneda-Gerês

Renseignements réservations

Ref 101: Travessia do Parque Nacional da Peneda-Gerês 8Dias/7Noites

O Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG) abrange os territórios de Arcos de Valdevez, Melgaço, Montalegre, Ponte da Barca e Terras de Bouro tratando-se do único Parque Nacional do País. Esta área protegida, considerada pela UNESCO como Reserva Mundial da Biosfera, é uma das maiores atracções naturais de Portugal pela rara beleza paisagística e pela variedade de fauna e flora.


Inclui:

- 7 Noites de alojamento em quarto duplo c/ pequeno-almoço

- 6 Dias de Caminhadas

- 6 Almoços piquenique 

- Transfers dos participantes e bagagens, do início e final das atividades para o alojamento

- Guia durante os percursos

- Voucher de desconto noutras atividades

 

Não inclui:

- Jantar

- Despesas de carácter pessoal

- Qualquer despesa não mencionada ou incluída no programa

 

Serviços extra:

- Jantar

- Transfer de/para Gerês

 

Preço varia consoante a época do ano.

 

Informations supplémentaires

Lieu de rencontre
Renseignements réservations

DIA 1: Check-in

Alojamento em Castro Laboreiro.

DIA 2:

Etapa nº 1 – Lamas de Mouro / Senhora da Peneda – 15 km - Grau de dificuldade: Médio - 5 h

Após pequeno-almoço transfer do alojamento para início do percurso.

Trilho de âmbito paisagístico, ecológico e cultural. Este itinerário tem início na aldeia de Lamas de Mouro na Serra da Peneda e, tem como principais atractivos os bosques primitivos, as calçadas e caminhos antigos de peregrinação e o pastoreio.

Alojamento na Peneda.

DIA 3:

Etapa nº 2 – Senhora da Peneda / Mezio - 23 km - Grau de dificuldade: Alto – 8 h

Após pequeno-almoço transfer do alojamento para início do percurso. 

Trilho de âmbito paisagístico, ambiental e ecológico. Tem como principais atractivos a aldeia de São Bento do Cando, a Branda da Bouça dos Homens, o Vale do Rio Ramiscal, os Fojos do Lobo, as necrópoles megalíticas, outras brandas e abrigos de pastores. Decorre maioritariamente pela cumeada da Serra da Peneda e a encosta sul da Serra do Soajo. Este percurso é um exemplo vivo da vida comunitária dos povos serranos e da ocupação humana antiga e continuada desde o Neolítico até à atualidade.

Alojamento em Arcos Valdevez.

DIA 4:

Etapa nº 3 – Lindoso / Campo do Gerês – 18 km - ­Grau de dificuldade: Alto - 7 h

Após pequeno-almoço transfer do alojamento para início do percurso. 

Trilho de âmbito histórico, etnográfico, geológico e faunístico que decorre em plena Serra Amarela. Tem como principais atrativos os seus currais, prados, fojos do Lobo e a Louriça, ponto mais alto desta Serra. As vistas panorâmicas sumptuosas alcançam as Serras do Gerês, Soajo, Peneda, entre outras.

Alojamento no Campo do Gerês.

DIA 5:

Etapa nº 4 – Campo do Gerês / Torneiros - 18 km - Grau de dificuldade: Médio - 6 h

Após pequeno-almoço, transfer do alojamento para início do percurso.

Trilho de âmbito histórico, cultural e ecológico que percorre a Via Romana nº XVIII (Geira ou Via Nova) ao longo da bonita albufeira de Vilarinho das Furnas. Passa pelos frondosos bosques de Carvalhais da Mata de Albergaria e Bouça da Mó, até chegar à fronteira da Portela do Homem. Daqui descemos para Torneiros pelo lado espanhol da Serra do Xurês, tendo como principal atrativo a Cascata da Fecha.

Alojamento em Torneiros.

DIA 6:

Etapa nº 5 – Albite / Pitões das Júnias - 16 km - Grau de dificuldade: Alto - 6 h

Após pequeno-almoço, transfer do alojamento para início do percurso.

Trilho de âmbito paisagístico, etnográfico, cultural e faunístico que decorre na área protegida da Serra do Xurês. Tem como principal atrativo a bonita aldeia abandonada de Salgueiro com a sua característica arquitetónica popular de Montanha. As vistas panorâmicas sumptuosas alcançam a Serra de Laboreiro e as albufeiras das Conchas e Lindoso.

Alojamento em Pitões das Júnias.

DIA 7:

Etapa nº 6 - Pitões das Júnias / Sezelhe - 14 km - Grau de dificuldade: Médio - 5 h

Trilho de âmbito paisagístico, ambiental e cultural que decorre por extensos bosques de carvalhos seculares e prados verdejantes. Tem como principal atractivo os seus caminhos antigos de pastoreio e as paisagens.

Alojamento em Montalegre.

DIA 8: Check-out. 

 

Mínimo de 6 participantes para este pacote.

Points forts

  • Parque Nacional da Peneda-Gerês
  • Parque Natural do Xurés
  • Visita às Portas do Parque Nacional
  • Fojos do Lobo
  • Brandas e Inverneiras
  • Aldeia submersa de Vilarinho das Furnas
  • Aldeia de Salgueiro
  • Mosteiro de Pitões da Júnias

Itinéraire

  1. Gerês (PT)