3D/3N Tour TT - À descoberta do PNPG

Renseignements réservations

Ref 98: À descoberta do PNPG em veículo todo o terreno 3Dias/3Noites 

O Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG) abrange os territórios de Arcos de Valdevez, Melgaço, Montalegre, Ponte da Barca e Terras de Bouro tratando-se do único Parque Nacional do País. Esta área protegida, considerada pela UNESCO como Reserva Mundial da Biosfera, é uma das maiores atracções naturais de Portugal pela rara beleza paisagística e pela variedade de fauna e flora.


Desde 325€ p/ pessoa

 

Inclui:

- 3 Noites de alojamento em quarto duplo c/ pequeno-almoço

- Entradas nas 5 Portas do Parque Nacional

- 3 Tours guiadas no PNPG

- 3 Almoços

- Voucher de desconto noutras atividades

 

Não inclui:

- Jantar

- Despesas de carácter pessoal

- Qualquer despesa não mencionada ou incluída no programa

 

Serviços extra:

- Jantar

- Transfer de/para Gerês

 

Preço varia consoante a época do ano.

 

Informations supplémentaires

Lieu de rencontre
Renseignements réservations

DIA 1: Check-in

Alojamento em Castro Laboreiro: Hotel.

DIA 2:

Manhã

- Visita à Porta de Lamas de Mouro

As Portas do Parque Nacional são estruturas de receção ao visitante, localizadas nas principais entradas da área protegida, em relação com a rede viária. O visitante tem à sua disposição informação sobre os aspetos genéricos da região, os percursos pedestres existentes na zona e ainda diversas exposições sobre os valores naturais e culturais do PNPG.

A Porta de Lamas de Mouro, no concelho de Melgaço, é a Porta mais a norte do PNPG. Aqui pode visitar a exposição temática ‘Ordenamento do Território’, onde se abordam as especificidades naturais e culturais do território de Melgaço, com especial incidência para a história, organização e ocupação dos solos na emblemática freguesia de Castro Laboreiro.

O espaço exterior presta-se a descanso e a passeios junto ao rio Mouro.

Tarde

- Visita à Porta do Mezio 

A Porta do Mezio, no concelho de Arcos de Valdevez, será a segunda Porta do parque a visitar.

Destacam-se no espaço exterior o ‘Parque da Biodiversidade’ e o ‘Complexo Agro-Silvo-Pastoril das Serras da Peneda e Soajo’ (uma maqueta tridimensional do território). A Porta possui ainda uma torre de observação, uma piscina e uma área de merenda, proporcionando assim ao visitante múltiplos motivos de interesse.

Estando situado junto a uma necrópole megalítica e muito próxima de uma segunda, em Gião, as valências da Porta são complementadas por um Núcleo Museológico.

Alojamento em Arcos de Valdevez: Hotel.

DIA 3:

Manhã

- Visita à Porta do Lindoso

A terceira Porta do Parque Nacional a visitar será a Porta do Lindoso, no concelho de Ponte da Barca. O Castelo do Lindoso funciona como um prolongamento desta Porta e possui uma exposição de peças da coleção do Museu Militar, que vão desde o século XIV ao século XIX.

- Visita aos Baños em Bande

Aquis Querquennis, conhecido popularmente como A Cidá, foi um acampamento romano situado na paróquia de Os Baños no concelho Ourensino de Bande, na Galiza, e ocupado entre o último quartel do século I e meados do século II. Provavelmente foi construído para vigiar a Via XVIII ou Via Nova, uma estrada romana que ligava Bracara Augusta (Braga, Portugal) a Astúrica Augusta (Astorga, Espanha).

Aqui poderá visitar as ruínas do acampamento romano e relaxar uns momentos nas águas quentes de nascente natural, dentro das banheiras deixadas pelos nossos antepassados.

Tarde - Visita Porta do Parque Nacional de Campo do Gerês

A Porta de Campo do Gerês, concelho de Terras de Bouro, é a quarta Porta a visita. Aqui encontra um exposição intitulada ‘História e Civilizações’. A Porta está subdividida em dois espaços: um espaço dedicado à receção do visitante e divulgação e outro à venda de produtos regionais. Disponibiliza uma área de exposição, repartida por 7 salas, onde são desenvolvidos temas no âmbito da geologia, hidrologia, biodiversidade, ocupação humana e os valores culturais locais e históricos mais diretamente relacionados com a Geira (via romana).

No mesmo edifício, encontra-se ainda o Museu Etnográfico de Vilarinho da Furna e, ao lado, o Museu da Geira. Este conjunto de estruturas forma o Núcleo Museológico de Campo do Gerês.

Alojamento no Gerês: Hotel.

DIA 4: 

Manhã

- Visita a Pitões das Júnias

A aldeia de Pitões das Júnias está recheada de tradição e património cultural. A sua localização remota e pitoresca confere-lhe uma atmosfera especial.

Embora sem data precisa, o Mosteiro de Pitões das Júnias, ou de Santa Maria de Júnias, presume-se ter sido fundado no final do século IX, quando eremitas se estabeleceram nesta região, organizando-se em comunidades. Durante a Guerra da Restauração da independência portuguesa, depois de 1640, um ataque do exército espanhol à aldeia de Pitões, terminou com um incêndio que deixou o mosteiro em ruínas. Veio a ser recuperado já no século XVIII, mas com a extinção das ordens religiosas, em 1834, o convento é abandonado e alguns anos depois deflagra um incêndio que apenas deixa a igreja de pé.

Tarde

- Visita à Porta da Paradela

A Porta da Paradela, no concelho de Montalegre, é a última das cinco Portas a visitar. Tem uma pequena exposição alusiva a algumas espécies arbóreas presentes no território do Parque Nacional e está instalada no edifício do Ecomuseu do Barroso, pelo que congrega vários motivos de interesse.

 

Mínimo de 4 participantes para este pacote.

Points forts

  • Parque Nacional da Peneda-Gerês (PNPG)
  • Parque Natural do Xurés
  • Portas do PNPG: Lamas de Mouro, Mezio, Lindoso, Campo do Gerês e Paradela
  • Os Baños
  • Aldeia de Pitões da Júnias

Itinéraire

  1. Gerês (PT)